Conhecimento do perfil comportamental como fator de criação de ambientes saudáveis

Muitas organizações deparam-se com conflitos laborais todos os dias, decorrentes de comportamentos e atitudes dissonantes e disfuncionais. O cenário atual revelou o quanto é importante e prioritário conhecer e entender de perfil comportamental dentro das organizações.

O psicólogo de Harvard Dr. William Moulton Marston criou a metodologia DISC para realizar a análise de perfil comportamental, na qual desenvolveu uma teoria de que os indivíduos tendem a desenvolver um autoconceito baseado em um dos quatro fatores – Dominância, Influência, Estabilidade e Conformidade.

Conhecer o perfil comportamental do indivíduo que se pretende recrutar, selecionar e até promover, conjugada com a sua maneira de agir e interagir com o ambiente, apresenta-nos tendências e padrões de personalidade comuns ao seu perfil comportamental utilizando os 4 perfis DISC.

Cada pessoa é única, tem talentos próprios e que precisam estar alinhados aos exigidos pela organização, e, igualmente, estará nas mãos do seu líder reconhecer quais são para melhor alinhá-los aos resultados esperados. É importante conhecer os motivadores, valores, comportamentos e habilidades das pessoas, de forma a diminuir demissões por motivos relacionados: atitude, temperamento, falta de “garra” ou por problemas de relacionamento interpessoal.

Quando o líder ou gestor percebe as necessidades e o perfil de cada um dos seus liderados, ele tem a chave do sucesso para condução da sua equipe. Este conhecimento permite alinhar comportamentos à cultura da instituição, alinhar os objetivos e a comunicação. Ou seja, inicia-se a criação de oportunidades da promoção e abertura da comunicação entre pares, redução do turnover ou rotatividade, alinhamento de propósitos individuais ao corporativo. Os gestores que assumirem este papel conseguem rapidamente identificar os pontos fortes e oportunidades de melhoria das suas equipes e, consequentemente, gerar resultados positivos para a organização.

Segundo Leandro Moreira, “depois que você inspira e ensina, tudo o que faz transforma o ambiente e as pessoas de maneira positiva e crescente”.  Ou seja, o líder precisa fazer perguntas certas, como forma de melhor desenvolver o seu liderado. No trabalho com pessoas, é fundamental desenvolver o autoconhecimento e uma comunicação não violenta como forma de criação de ambiente de trabalho congruente e alinhado ao fit cultural.

Paula de Paula da Silva
Mentora e Consultora Integral Sistêmico, Treinadora e Analista de Perfil Comportamental